Me chame pelo seu nome: o filme que vai te fazer chorar mas mesmo assim vai entrar para sua lista de favoritos!

Me chame pelo seu nome: o filme que vai te fazer chorar mas mesmo assim vai entrar para sua lista de favoritos!

Olá meus bombons de licor, tudo bem com vocês?

Hoje nós vamos falar sobre o belíssima filme “Me chame pelo seu nome”!

• Título: Me chame pelo seu nome
• Título original: Call me be your name
• Diretor: Luca Guadagnino.
• Roteiro: James Ivory, baseado no romance de André Aciman.
• Atores: Armie Hammer, Timothée Chalamet, Michael Stuhlbarg, entre outros.
• Gênero: Drama, Romance.
• Duração: 2h12 minutos.
• Estréia no Brasil: 18 de Janeiro de 2018.
• Direção: Luca Guadagnino
• Música composta por: Sufjan Stevens
• Prêmios: Oscar de Melhor Roteiro Adaptado, Prêmio Independent Spirit de Melhor Ator e mais.

Confesso que quando fui pesquisar sobre o filme fiquei chocada com a quantidade de prêmios que ele ganhou, não por achar que ele não merecia, não pensem isso! Mas sim porque realmente foram muitos. Toda a equipe e produção fizeram um trabalho incrível, muito merecido.

Sinopse: O sensível e único filho da família americana com ascendência italiana e francesa Perlman, Elio (Timothée Chalamet), está enfrentando outro verão preguiçoso na casa de seus pais na bela e lânguida paisagem italiana. Mas tudo muda quando Oliver (Armie Hammer), um acadêmico que veio ajudar a pesquisa de seu pai, chega.

Baseado no livro escrito pelo egípcio André Aciman, o filme conta os acontecimentos de uma temporada de férias na vida do adolescente Elio (Timothée Chalamet) na casa de campo da família extremamente intelectual em 1983 — imaginem um ambiente multicultural, onde se fala italiano, inglês e francês sem nem pensar duas vezes. No início da trama eu fiquei um pouco confusa quando de repente as legendas surgiam na tela e os personagens já estavam falando em outra língua!

Lá o pai de Ellio (Michael Stuhlbarg), especialista em cultura grego-romana, recebe o acadêmico Oliver (Hammer, por quem você com certeza irá se apaixonar) que viaja para ajudá-lo em sua pesquisa. Aos poucos, Elio e Oliver vão se aproximando um do outro.

A adaptação cinematográfica foi um enorme sucesso, tendo conquistado o público e a crítica com uma história de amor que desafia tabus. Pense num sucesso de bilheteria, este é “Me chame pelo seu nome”.

O envolvimento de Ellio e Oliver se inicia um pouco conturbado acostumado a doar seu quarto durante os verões aos ajudantes de seu pai, Ellio viu a chegada de Oliver apenas como mais um “usurpador”, mas com o tempo o jeito curto e confiante do mais velho vai despertando novos sentimentos.

Contudo mais que um “Romance gay” ou uma “história de amor”, o filme retrata uma história de amadurecimento, Naquele ambiente, a sexualidade não é uma questão. É muito mais explorado o desejo, a relação, o lado mais sensual do que a visão “moral” ou a amoralidade. Tem uma cena em especial, em que a mãe do Ellio ressalta que o Oliver gosta muito dele (Ellio), era muito nítido que ela sabia que havia sentimento entre os dois e admirava isso de uma forma muito genuína, agiu com naturalidade. O que infelizmente ainda não é habitual, mas tenho certeza que todos desejávamos que se torne.

Eles se soltaram da repressão, só porque é um ambiente favorável ao julgamento não precisa ser. Eu fiquei apaixonada no “tom” que esse filme trouxe a luz.

Outro ponto altíssimo do filme de fato é a fotografia, os tons pastéis usados ajudam a retratar uma Europa da época.

Se você tem alguma dúvida se assiste ou não o filme, eu digo: CORRA E ASSISTA!

O filme é incrível, a relação que os personagens constroem é linda e muito natural. Além disso, ele traz uma lição de vida incrível, passada durante uma conversa entre Elio e seu pai: no mundo real não existem finais felizes e, por isso, devemos aproveitar tudo aquilo que nos é disposto no agora, não amanhã ou depois de amanhã e sim hoje.

Acho que é isso meu bombons, assistam “Me chame pelo seu nome” vocês não vão se arrepender, espero que tenham gostado. Beijos e até a próxima!

Compartilhar esta publicação

Comente e deixe a gente Feliz

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
%d blogueiros gostam disto:
Optimized with PageSpeed Ninja