LBC2: Nosso lema é ousadia e alegria

LBC2: Nosso lema é ousadia e alegria

Hello guys! Como estão?

Bom, a partir de agora os review de Love By Chance ficaram sob minha responsabilidade e espero que gostem.

Desde o lançamento do trailer e tal, vimos que a segunda temporada com certeza iria abalar as estruturas dos fãs, só não conseguimos saber ainda se de modo bom ou ruim.

Os primeiros quatro episódios você pode conferir aqui e aqui (links)

Vamos quinto episódio:

Estamos chegando na metade da produção, uma vez que foram previstos 12 episódios (de acordo com o TV Show, mas no drama list constam 13) e pelo menos para mim que acompanhou a primeira temporada, Tharn&Type e um pouco da Novel, acredito que muitaaaaas coisas ainda vão acontecer para preencher todas as lacunas que apareceram devido a todos os problemas internos da produção.

Primeiro quero falar que a meta da sociedade deveria ser tão sincera quanto o Tin é. Gente, isso iria eliminar tantas brigas desnecessárias, tantos corações partidos poderiam ser evitados. Afinal, o Tin falou várias vezes já que tudo o que ele quer é:

A ousadia ou sinceridade exagerada do Tin faz a alegria das fãs kkkk.

Eu não sei vocês, mas eu tenho uma leve inclinação a acreditar em destino, porém muitos fatores previsíveis em obras me deixam sempre com o pé atrás, seria mesmo possível?

Tin e Can são mais um exemplo, cada vez que se encontram, é como se todos os clichês possíveis e impossíveis se encontrassem. Ao dar carona para o Can, Tin percebe a chance de conseguir ter o número do crush.

A mentalidade que o Tin tem é um pouco preocupante, afinal, ele poderia simplesmente pedir o número ou tentar desbloquear ou ainda simplesmente levar numa assistência e dizer, esqueci a senha. MAS NÃO! Ele pode muito bem destruir o telefone do pobre menino e comprar outro e assim dar um novo número para ele.

Bem mais simples! Acontece todo dia.

Brincadeiras à parte, a gente releva porque é o Tin, né?! Agora, outro ser que precisa de uma atenção extra é o próprio crush, Can. A ingenuidade do menino chega a ser cômica demais, como quando junto do amigo, Job, descobriu que tinha perdido o celular e poderia ligar para ver se alguém atende.

Dando a brecha para um próximo encontro com o Tin, Can corre desesperadamente para o prédio onde Tin estuda e começa a sua busca pelo mesmo.

Então já sabem se virem um cara alto de pele branca que anda daquele jeito e é arrogante, avisem, porque o Can tá procurando ele kkkkkk.

Mas, voltando ao nosso casal, depois de se encontrarem e Tin contar o que houve com o celular, emitindo alguns detalhes,  dá um novo para o Can, que não só recusa como fica revoltado com a ação do maior.

A revolta é explicada quando Tin consegue alcançar o menor, DESCULPAS. O Can queria um pedido de desculpas, não queria que Tin tivesse a ideia de que o dinheiro poderia resolver tudo sem a SINCERIDADE de ver que errou e pedir DESCULPAS por isso.

Caso você também não saiba pedir desculpas, o Can ensinou o Tin e você pode ver aqui:

Mudando de cenário, temos o Techno que para não pensar em seus próprios problemas está procurando pelo Can, ao tentar ligar para o mesmo e não ser atendido, questiona o amigo para saber se tem alguma ideia do paradeiro do mais novo.

E, não é que o chute do amigo está 100% correto uma vez que o próprio contou que fez a mesma coisa de comprar um telefone para a enfermeira linda, nas palavras dele. O que me faz questionar: Quanto custa um celular lá?

Mas, o melhor mesmo é o modo que o mesmo se esquiva das perguntas sobre seu próprio “relacionamento”.

E também vemos a tentativa de Kenkla de se aproximar do maior. Depois da confissão e o pedido de perdão, Techno parece estar ainda mais confuso. Sem saber como reagir ou pensar, ele volta a tentar se ocupar de outras coisas, porém, tudo volta ao ponto de início.

Can pede conselhos sobre a aproximação do Tin para o mesmo e é nesse momento que o mais velho, incapaz de raciocinar e medir suas palavras, diz:

Agora sim vamos para o outro casal, Tar e Tum. Confesso que chego a estranhar um pouco eles, pois na primeira temporada foi algo muito esquisito, porém depois de ver Tharn&Type consigo entender um pouco sobre eles e mal posso esperar para saber o que vai acontecer.

Ae depois do puxão de orelha que teve parece estar tentando se levantar e quase não apareceu no episódio.

Para finalizar, vimos que apesar das mudanças não houve muita diferença entre a história dos irmãos, mas agora que Tin finalmente contou para o Can, acredito nunca ter sentido tanta felicidade ao ver que o menor além de acreditar nele, quer bater no irmão.

E terminamos o episódio com ele indo de encontro ao abraço do Can.

Mas, nem tudo são rosas, e a prévia traz o irmão do Tin querendo descobrir mais sobre o Can.

Bom, de modo geral as mudanças da adaptação da produção são de longe as mais explícitas, mas ainda assim acho que conseguiram manter a essência de cada personagem, apesar de que, por exemplo, vejo o Tin muito mais aberto em LBC2 do que na temporada anterior, suas expressões estão cada vez mais naturais, claro que com o andamento da história isso chega a ser algo fluído.

Como eu disse eu ainda não consigo dizer se estou gostando ou não, mas são por opiniões próprias e claro que tem aquele leve rancor pelo Pete (Saint) e outros detalhes que se quiserem posso fazer uma matéria sobre, so falar nos comentários 😉

Beijos e beijos Kim nana

É preciso lembrá-los que estamos no Setembro amarelo, período da campanha de prevenção ao suicídio. Dessa forma, durante todo o mês, a Boys Love Brasil, além da habitual programação, trará também conteúdos relacionados à causa, engajando e demonstrando todo o nosso apoio à preservação da vida.

Caso sinta necessidade ou conheça alguém que precise, contate o Centro de Valorização da Vida (CCV), uma instituição que auxilia pessoas em situações de vulnerabilidade emocional, atuando na prevenção ao suicídio. Para conversar com um dos voluntários, ligue para 188 ou acesse o site. Não se preocupe, o atendimento é anônimo, 100% gratuito e funciona 24h por dia.

Se você gostou dessa matéria, por favor, não deixe de curtir e expor a sua opinião. A sua interação é muito importante para a manutenção do site. Além disso, não se esqueça de seguir as nossas plataformas digitais. Lá, você tem acesso a todo o conteúdo produzido como notícias, capítulos de novels, trailers, reviews e tudo mais.

A Boys Love Brasil agora tem uma loja! Lá, você pode encontrar acessórios como camisetas, canecas e almofadas do seu dorama, grupo de k-pop ou anime preferidos. Se você ainda não conferiu, acesse clicando aqui.

Além disso, a BLB agora também possui uma editora! Se você tem interesse ou conhece escritores que produzem histórias, sobretudo LGBTQ e que gostariam de publicá-las online. Entre em contato conosco. Para acessar o site, clique.

Para acessar o site das Novels Boys Love, clique aqui.

Para acessar o nosso canal do Youtube, clique aqui.

Para nos seguir no Instagram, procure por: @boyslovebrasill ou clique aqui.

Para nos seguir no Facebook, procure por: Boys Love Brasil ou clique aqui.

Para nos seguir no Twitter, procure por: @bloversbrasil ou clique aqui.Para nos seguir no Telegram, procure por: Boys Love Brasil ou clique aqui.

Compartilhar esta publicação

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Optimized with PageSpeed Ninja