Dia da Mulher: Park Min Young

Dia da Mulher: Park Min Young

Hello people!
Antes de começar quero desejar um Feliz dia da Mulher para todos vocês, mesmo sabendo que terão leitores homens…

Essa homenagem é muito importante e especial principalmente para mim, Kim Nana, afinal vou poder falar da mulher que inspirou essa assinatura. Isso, mesmo o nome da autora que vos fala é baseado em um personagem de Park Min Young.

“Ser mulher não é ser bonita aos 20, intensa aos 30, equilibrada aos 40 mais sim ser especial a vida inteira”

Paula Oliveira

De acordo com Country Meters, a população feminina do mundo é de 49,6%, por isso é uma tarefa difícil, afinal todas são igualmente especiais e merecedoras dessa homenagem, porém, são completamente diferentes. A diversidade apenas soma em nossa sociedade. E, se for para dividir que seja a panela de brigadeiro.

Park Min Young também conhecida como Rachel Park no cenário internacional, nasceu dia 4 de março de 1986 se formou na Universidade de Dongguk com especialização em Teatro e Filme.

Sua estréia foi em um comercial da SK em 2005. Como atriz seu primeiro trabalho foi em High Kick! em 2006. E, foi realmente seu pontapé inicial, já que em 2007, participou do dorama I Am Sam, ao lado de Lee Min Ho e T.O.P (do BigBang). Em 2008 interpretou a raposa de nove caudas, Gumiho, em Hometown of Legends. Depois disso todo ano estava em uma super produção.

Pôster do Dorama

Até que em 2010, atingiu o auge com o drama Sungkyunkwan Scandal, ao interpretar uma mulher jovem, inteligente e engenhosa ao se disfarçar de homem para entrar na mais prestigiada instituição de ensino em Joseon.

Eu escolhi falar dela por causa de um dos papéis que ela interpretou.

City Hunter, lançado em 2011. Baseado no mangá japonês do mesmo nome. A história mostra lados da corrupção política coreana, tendo “Robin Hood” ao seu lado. Tudo começa em 1983 quando soldados são enviados para a Coreia do Norte. Porém os soldados acabaram sendo apunhalados pelas costas, pelo próprio país. Mas um sobrevivente jura vingança de qualquer jeito.

Mesmo que isso signifique sequestrar o filho do melhor amigo e manipular suas emoções para que faça da vingança, uma realidade.

Pôster do Dorama

Park Min Young interpreta nossa heroína, Kim Nana uma jovem guarda costa da Casa Azul (tipo a casa branca). Ela perdeu a mãe em um acidente de carro e o pai está em coma desde então. Sozinha no mundo, tenta se virar como pode, trabalhando arduamente na Casa Azul, alguns trabalhos de meio período como motorista reserva ou entregando panfletos, além de procurar pela única pessoa que poderia ajudá-la, tudo isso com um sorriso no rosto.

Ao se envolver com o novo funcionário da Casa Azul, ela percebe que a verdade é muito mais complicada do que imagina. E, que as palavras embora tenham o poder, não pode apagar o que aconteceu.

Uma das coisas que eu mais gosto nela e na série toda é o fato dela ser uma mulher independente e apesar das dificuldades ela não desiste e continua em pé lutando.

E mesmo quando se trata de seus sentimentos ela continua com a mesma plenitude falando para o crush:

Tradução: Se você está fazendo isso para me afastar, não há necessidade. Esses são meus próprios sentimentos. Eu nunca te forcei a aceitar. Se você ainda quer me afastar, encontre uma mulher que eu possa entender. Quando você fizer isso, deixarei você ver meu ciúme.

Além é claro de defender com unhas e dentes o boy.

Mais uma cena para mostrar o quão foda ela é:

Sou muito fã dessa garota!

Mais um detalhe, essa série conta com uma trilha sonora muito especial para mim, Jognhyun do Shinee canta a música tema do nosso casal. 

Além da Nana, Min Young interpretou: 

  • Kang YooMi em High Kick! (2006)
  • Yoo Eun Byul em I Am Sam (2007)
  • Lee Myung Ok (Gumiho) em Hometown of Legends (2008)
  • Princesa Ra Hee em Ja Myung Go (2009)
  • Moon HaengJoo em Running Gu (2010)
  • Kim Yoon-hee e Kim Yoon-shik em Sungkyunkwan Scandal (2010)
  • Yoon Jae-in em Glory Jane (2011)
  • Yoo Mi-na / Hong Young-rae em Dr. Jin (2012)
  • Lee Ji-yoon em A New Leaf (2014)
  • Chae Young-shin / Oh Ji-an em Healer (2014)
  • Xie Yu Fei em Braveness of the Ming (2015)
  • Lee In A em Remember (2015)
  • Shin Chae-Kyung em Queen for Seven Days (2017)
  • Kim Mi So em Wha’ts Wrong With Secretary Kim? (2018)
  • Sung Deok Mi em Her Private Life (2019)
  • Hae Won em “I’ll Go To You When The Weather Is Nice” (2020)

Mas a atriz também fez um filme:

  • So Yeon em The Cat (2011)

Atualmente faz parte do elenco do programa da Netflix, Busted. Mas, também fez participações em alguns MV, como:

  • Don’t say goodbye de Kim Young Jin
  • Haru Haru do grupo BigBang
Sem comentário para esse MV.
  • Love Story de Gavy NJ.

Além de ser uma ótima dançarina:

E, essa é a homenagem para a minha inspiração e modelo de mulher para parabenizar a todas pelas suas batalhas diárias e como os Vingadores falaram:

Ela não está sozinha, nunca.

Beijos e Beijos, Kim Nana.

Compartilhar esta publicação

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Optimized with PageSpeed Ninja