Cherry Magic Episódio 4 e 5 – Todos nós somos inseguros e problemáticos, não há ninguém perfeito

Cherry Magic Episódio 4 e 5 – Todos nós somos inseguros e problemáticos, não há ninguém perfeito

Já assistiu seu BL hoje? Como vão blzeiras e blzeiros de plantão? Como você já viu no título deste review, vim falar sobre mais um (ou mais alguns) episódios de “Cherry Magic! Thirty Years of Virginity Can Make You a Wizard?” caso não tenha lido o último review, ele está disponível aqui

Sem muita enrolação, vamos começar falando do episódio quatro, antes de partir para o quinto e último episódio recém lançado. No meu review anterior comentei que a cena acabou com uma menção de que os personagens iriam se beijar, mas que poderíamos ter uma “surpresa” onde eles são interrompidos por algo e o beijo não rola… Sabe de uma coisa? Foi exatamente isso que aconteceu! 

Adachi foi interrompido por uma ligação de seu amigo Tsuge, – que também adquiriu a habilidade que nosso protagonista possui – e após desligar o telefone nós acabamos acreditando que os meninos vão se beijar de verdade agora, mas o colega que havia ido comprar remédio de estômago para Adachi aparece e nossas esperanças de uma cena romântica, morrem. Tudo bem, nem tudo são flores então não vou reclamar, afinal, isso aqui não é Quaranthings, onde os personagens já se beijam no quarto episódio, bem que podia ser né.

Com a “aproximação” dos meninos no jantar, obviamente acreditamos que eles começarão a ter um relacionamento mais estreito, não poderíamos estar mais enganados, já que Adachi tem fugido de Kurosawa igual o diabo foge da cruz. Me pergunto como ele irá conhecer melhor Kurosawa, assim como havia planejado no episódio dois, se não consegue nem encarar o mesmo.

Se Adachi for começar a fugir de pessoas que gostam dele, sua colega Fujisaki terá que entrar na lista também, – pois é, para quem achava que não poderia ser bom o suficiente para conquistar corações, Adachi está superando as próprias expectativas – a moça está ciente dos sentimentos de Kurosawa por Adachi, e apesar de até achar isso fofo, ela vê Kurosawa como oponente e pretende lutar pelo usuário de magia. 

Ainda falando de Adachi e Fujisaki, após deixarem o local do qual almoçaram Fujisaki acaba esbarrando em dois homens que procuram confusão, após alguma indecisão, Adachi interfere na confusão com a intenção de proteger a colega, contudo, ele leva um empurrão de um dos estranhos e ao se levantar quase apanha, se não fosse pelo Kurosawa que acaba chegando bem na hora e botando todo mundo para correr. Devo admitir que nessa cena, o Kurosawa parecia um príncipe encantado salvando outro príncipe. Será que estou cadelizada demais por esta série?

Ao chegarem na empresa, Adachi percebe que arranhou sua mão, Kurosawa sempre prestativo, vai ajudar seu crush a limpar a ferida e fazer um curativo. Com o enredo maravilhoso e fluído, conseguimos notar que Adachi sente que não é útil e nos confidenciou que sente inveja de Kurosawa. Por outro lado, temos nosso outro protagonista cuidando da ferida de seu crush enquanto pensava que havia estragado tudo ao entrar naquela briga que Adachi conseguiria ter lidado sozinho e, como o mesmo deveria odiá-lo por ter ido ajudar a limpar um arranhão. Sabemos que o usuário de magia não pensa aquilo de Kurosawa e no final, como Adachi notou, todos nós somos inseguros e problemáticos, não há ninguém perfeito. 

Antes de eu começar a escrever sobre as próximas cenas, gostaria de dizer que assistir Cherry Magic está sendo extremamente prazeroso, pois conseguimos notar que Kurosawa age como uma pessoa normal, sensata e madura, e apesar de gostar de alguém, sabe que não deve simplesmente chegar e provocar seu crush ou ser invasivo. A atitude de Kurosawa não acontece com frequência nos BL’s. 

Enquanto voltava para seu setor, Adachi encontra Fujisaki e diz para a colega de trabalho que gostaria de visitar a mãe dela e dizer como sua filha trabalha bem e com dedicação. A menina fica sem saber o que responder, mas diz que irá convidar ele um dia para conhecer sua mãe. O protagonista fala isso para Fujisaki devido as amigas da mesma, que pediram para Adachi acompanhar ela quando fosse visitar a mãe na fazenda em que ela está. Sei não… Isso está parecendo aqueles amigos que tentam dar uma de cupido. 

Adachi nos conta que a cada pessoa que ele toca, tem vontade de ficar mais próximo dessa pessoa e que essa chance pode ser uma oportunidade para que ele mude um pouco. Me pergunto quais serão as mudanças de Adachi no decorrer dos episódios.

Antes de finalizar o review do episódio quatro, preciso falar de um personagem que já ganhou meu coração. Sim, estou falando de Tsuge! Como comentei nos reviews anteriores, ele também é virgem e tem trinta anos, ou seja é um usuário de magia como Adachi. E os surtos são grandes, sem saber o que fazer ao descobrir seu poder, ele até chegou a ligar para seu amigo com a intenção de pedir ajuda, – ligou bem na hora que a Kurosawa ia beijar Adachi, momento pior, impossível – mas ficou com medo que seu amigo o julgasse, desistindo assim de revelar o que lhe aconteceu. 

Se você achou que os surtos estavam acabando, a verdade é que mal começaram. O escritor tranquilo e calmo, está inquieto e não para de pensar no entregador de encomendas que vai com frequência em sua casa para entregar seus pacotes. O loiro, parece ser festeiro, coisa que Tsuge odeia, além disso é um homem, de acordo com o escritor caseiro, essas duas coisas, seriam um empecilho para ele gostar do mais novo, mas não sei se isso é verdade… Tsuge procura em diversos livros, como se livrar dessa habilidade, mas não encontra nada que o ajude.  

O episódio termina com Adachi chegando em seu setor e vendo que Kurosawa parece estar em apuros e levando um sermão de um um senhor, Adachi parte para o encontro dos dois. 

Episódio cinco

O episódio começa na mesma cena que o anterior terminou, Kurosawa pedindo desculpas para o Presidente Hashimoto e o mesmo com uma cara de raiva. O usuário de magia pega a bandeja da mão de uma colega de trabalho e vai até o local onde toda a tensão está ocorrendo, tenta de tudo para tocar no presidente e não consegue, quando já estava desistindo, uma oportunidade surge e Adachi finalmente descobre o que o Presidente tanto queria!

Sim! Ele queria um doce. Adachi conseguiu dar uma bola dentro e ajudar Kurosawa! Fiquei feliz pelos meninos e orgulhosa de Adachi :*) Afinal, ele conseguiu retribuir a ajuda que Kurosawa dá para ele e pode assim, se sentir útil, afinal, sabemos que Adachi sempre se vê como alguém que não é necessário. O próprio Adachi também ficou feliz e animado já que ele percebeu que também pode ajudar Kurosawa.

No próximo bloco temos Tsuge ansioso devido a uma entrega da qual ele irá receber em poucos minutos, a ansiedade em si, não é nem pela entrega, mas sim por quem fará a entrega. Não me recordo se lhes contei, mas nosso escritor possui um gato, e como vocês sabem, gatos saem de casa e andam pelas ruas… E foi assim que o entregador conheceu o gato de Tsuge, ao fazer a entrega e ver que o gatinho que tanto gostava estava morando ali, o loiro ficou mais otimista quando a Tsuge, afinal pensou que o cliente era só um chato resmungão, mas viu que ele pode ser mais que isso.

Já assistiram o filme “O Grinch” de 2000, com o Jim Carrey? Então, quando o coração do Grinch começa a crescer devido receber afeto de um dos personagens, ele coloca a mão no peito sem entender o porquê de aquilo estar acontecendo. Com Tsuge é a mesma coisa, ele está com um sorrisinho no rosto e com o coração acelerado ao ver o loiro brincando com seu gato. A vergonha alheia que Tsuge me fez passar foi grande, quando ele começou a bagunçar o cabelo, gritando e se jogando no chão porque não estava sabendo lidar com tudo aquilo. Tentou parecer normal e acabou parecendo um esquisito, bem eu. 

Devido a ser uma adaptação de mangá, fiquei preocupada que cenas cômicas como esta ficassem meio forçadas e ruins na hora que fossem interpretá-las, mas os atores e o diretor estão fazendo um excelente trabalho e até agora não me decepcionaram em nada. 

E Adachi ganhou um fã, lembram daquele colega que ele pediu que fosse comprar remédio para estômago? Pois é, ele ficou tão animado ao ver que Adachi também ajudou Kurosawa com o Presidente, que vê o rapaz como uma pessoa super atenciosa e por isso, merece sua admiração. Adachi não imaginava que iria influenciar as pessoas desta forma, na verdade, não esperava nem receber algum reconhecimento, tudo isto é por causa da magia, de alguma forma o personagem está feliz e motivado a agir, graças às suas novas habilidades. De acordo com Adachi, tudo que ele fez foi porque Kurosawa o ama. 

Adachi estava saindo do trabalho todo sorridente por pensar no fato de Kurosawa o amar. Quando vê uma mulher abordar Kurosawa se referindo ao mesmo de forma íntima e pedindo que ele deixe ela dormir em sua casa, Kurosawa diz: “Eu já disse que não. Vá procurar seu namorado.” apesar do que ele fala, ambos acabam saindo juntos na mesma direção. O fã de Adachi fala que aquela mulher é ex-namorada de Kurosawa e que já viu ela com ele outras vezes, nem preciso dizer que Adachi ficou mega triste ao escutar e ver tudo isso.  

Durante a cena, estava chovendo e o usuário de magia volta para casa, com o coração pesado e molhado, fiquei triste por ele, e o clima meteorológico contribuiu para que as coisas ficassem pior do que parecem ser. Adachi não consegue nem dormir direito pensando em Kurosawa e sua suposta ex-namorada, acaba até sonhando com eles juntos na casa de Kurosawa.

O dia seguinte não é nada fácil para Adachi, ele está triste e desanimado – estou com dó dele, mas o fato dele estar triste significa que ele gosta de Kurosawa, então estou feliz por isso – como eu já cansei de dizer, Adachi tem uma autoestima baixa, então ao ver aquela mulher linda com Kurosawa ele começou a se menosprezar e pensar que poderia ser apenas colega do rapaz, pois não se achava bom o suficiente para ele. Adachi parece não notar como Kurosawa gosta dele.

Desde que acordou, Adachi tem tomado energético, isso não faz bem para a saúde, principalmente a grande quantidade que ele ingeriu. Mesmo com a bebida, o usuário de magia se sente esgotado e quando Kurosawa vai agradecê-lo pela ajuda do dia anterior, Adachi é extremamente apático. Fora da empresa, Kurosawa tentar acompanhar Adachi em casa, já que o mesmo parecia estar doente, apesar de negar e agir de forma rude, afirmando estar bem, Adachi acaba desmaiando e assim é levado até um táxi por Kurosawa.

O que a gente não poderia imaginar é que a mulher que estava com Kurosawa na noite anterior iria brotar lá e entrar no táxi com os meninos. O que podemos esperar para os próximos episódios? Eu não acredito que a mulher seja ex-namorada de Kurosawa, meu palpite é que ela é sua irmã, mas vamos esperar para ver como toda trama vai se desenrolar.

Compartilhar esta publicação

Comente e deixe a gente Feliz

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
%d blogueiros gostam disto:
Optimized with PageSpeed Ninja