Produções LGBT’s (ou não), que vão te fazer amar ainda mais a pátria

Produções LGBT’s (ou não), que vão te fazer amar ainda mais a pátria

Parando para analisar a listinha quilométrica de BL’s que só faz crescer, o número de conteúdos vindos do exterior, mais precisamente de países da Ásia, quase toma conta. Você sabia que tem conteúdo fofo e bem desenvolvido pertinho, aqui no nosso país mesmo?

Sem dúvidas, a divulgação não é gigantesca; nenhum dos filmes aqui apresentados chegou a receber destaque e horário nobre nas emissoras de TV, contudo, esse fato não reflete em nada na qualidade das produções, sobretudo no que diz respeito à construção da história e seus casais lindos, dignos de muito “awn”.

Além de longa metragens, há a indicação de alguns casais fofos que marcaram certas novelas, e isso sim em horário nobre, com toda a família sentada no sofá acompanhando.

Seguem algumas indicações belíssimas, para amar ainda mais sua pátria:

1 – Eu Não Quero Voltar Sozinho + Hoje Eu Quero Voltar Sozinho

Disponível na plataforma do Youtube.

“Eu Não Quero Voltar Sozinho” é o curta que tornou possível a produção do longa metragem “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho”.

Sob a direção de Daniel Ribeiro, o curta conta a história de Leonardo (Ghilherme Lobo), um garoto cego, que vê seus sentimentos mudarem com a chegada de Gabriel (Fábio Audi), seu novo colega de classe. Ao mesmo tempo em que faz novas descobertas sobre si mesmo, ele precisa lidar com os ciúmes da amiga Giovana (Tess Amorim).

Disponível na plataforma de streaming Netflix.

Leonardo, um adolescente cego, enfrenta problemas para lidar com o cuidado excessivo de sua mãe superprotetora, que o impede de alcançar a tão esperada independência. Nesse meio tempo, um novo aluno, Gabriel, se torna parte de sua turma, trazendo, não apenas a novidade, mas também sentimentos novos no coração de Leo, que passa a descobrir mais sobre si mesmo e sua sexualidade.

O reconhecimento alcançado pelo curta e pelo longa metragem ultrapassaram os limites nacionais, e mesmo países como Estados Unidos, Coreia do Sul, Austrália e outros, dão valor ao conteúdo. Foi um orgulho e tanto, ver disponíveis as legendas em inglês para o filme, e os comentários positivos que o seguiam.

À base de curiosidade: O curta era parte do programa Cine Educação, que exibe filmes nas escolas em parceria com a Mostra Latino-Americana de Cinema e Direitos Humanos. Após sua primeira exibição numa escola do Acre, o filme foi confundido com o ‘Kit Anti-Homofobia’, promovido pelo Ministério da Educação, mas com distribuição vetada. Líderes religiosos do estado se reuniram e conseguiram que a exibição do filme fosse proibida no programa Cine Educação.

2 – Do Começo Ao Fim

Disponível online.

Com a promessa de momentos de muito amor, o filme conta a história de dois meio-irmãos, membros de uma família idílica e feliz, cuja relação, inicialmente estreita, passa a se desenvolver de modo muito íntimo, romântico e sexual. 

Conta com a direção de Aluizio Abranches, e a participação de atores conhecidos como Rafael Cardoso, João Gabriel Vasconsellos, Fábio Assunção e Julia Lemmertz.

3 – Minha Mãe É Uma Peça 3

Disponível na plataforma de stream Telecine Play e também no Now.

A homossexualidade de seu filho do meio, Juliano (Rodrigo Pandolfo), vem sendo representada durante todos os outros dois filmes, mas Hermínia (Paulo Gustavo) marcou essa terceira parte se mostrando um exemplo vivo de orgulho, cuidado, amor e aceitação. O longa, além de arrancar muitas risadas, também garante grande emoção em inúmeras cenas que, de forma visível ou não, mostram a defesa e o respeito aos direitos de casais homoafetivos.

4 – Orgulho e Paixão

Uma pequena coletânea de momentos está disponível no site do Gshow. Novela completa na plataforma de stream do Globo Play.

Nessa adaptação do livro “Orgulho e Preconceito”, o casal favoritinho das tias mente aberta, amantes de novela, se desenvolveu. Respondendo ao ‘ship’ Lutávio, o casal é composto por dois homens que passam a desenvolver sentimentos um pelo outro em uma época bem difícil, onde a aceitação ainda começava a brilhar no horizonte. Vencendo o preconceito e superando as barreiras, ambos seguem a nos presenteando com lindos momentos, e a representação doce e inocente da descoberta.

5 – Amor à Vida

Mateus Solano relembra beijo de Félix e Niko em Amor à Vida e ...
Disponível na plataforma do Globo Play.

Não sei vocês, mas encaro Félix (Mateus Solano) e seu ‘carneirinho’ Niko (Thiago Fragoso) como um dos primeiros casais gays a compor e fazer a diferença em uma novela vinda de uma emissora grande. O dia do tão esperado beijo dos dois, que foi também o primeiro a ser exibido na Rede Globo, deu o que falar nas redes sociais. Foram gravadas 3 possibilidades para essa cena, e enviadas para análise da emissora, de modo que ela pudesse escolher qual iria para exibição. As versões não aprovadas envolviam um beijaço, e outra apenas trocas de carícias, sem um real toque de lábios.

6 – A Dona do Pedaço

A Dona do Pedaço: Leandro dá força a Agno após levar mais um fora -
Disponível na plataforma do Globo Play.

Talvez muita gente tenha ‘shippado’ errado no início da novela, apoiando Agno (Malvino Salvador) em sua luta para conquistar Rock (Caio Castro). Contudo, com o desenvolvimento da novela, um relacionamento entre Leandro (Guilherme Leicam) e Agno cresceu. Além dos momentos de muito carinho entre os dois, a novela retrata o peso em assumir sua verdadeira sexualidade, ainda mais para um homem influente como Agno, a aceitação vinda da filha, que vê o casamento dos pais chegar ao fim, ao mesmo tempo em que conhece um novo lado do pai, e o peso mútuo de se manter dentro de um relacionamento sem amor.

Respondendo às expectativas dos telespectadores, o beijo saiu entre os dois. O casal demorou para acontecer, mas foi exemplo de muita fofura.

Mais do que simples conteúdos envolvendo a temática ‘boys love’, todos esses filmes e novelas representam maior abertura e aceitação vindas do país em que vivemos. Produções cinematográficas exigem muito investimento e comprometimento, e é bom ver que não estão mais poupando esforços para nos entregarem conteúdos cada vez melhores dentro dessa temática.

Fontes: Uol, Tv Foco, Mais Goiás, Adoro Cinema, Blog Aristoteles Berino, Cinema e Argumento, iBahia

Matéria escrita por Camila writter da Boys Love Brasil.

Compartilhar esta publicação

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Camila Vani

Que orgulho 💗


1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Optimized with PageSpeed Ninja